Bloco das Cacheadas

bloco logotipoNa manhã do dia 10 de outubro de 2012, recebo um e-mail da Diz’ain, uma badalada agência de mídia interativa do Rio. Ela quer uma uma proposta para a produção de uma gigafoto no Rio de Janeiro, em fevereiro de 2013. Só isso, sem mais detalhes. O primeiro contato é sempre assim, sintético.

Iniciou-se a análise do projeto: Um bloco de carnaval, com uma bateria composta de meninas de cabelo cacheado, vai sair em marcha pelas ruas da Tijuca. Minha missão: fazer panorâmicas do bloco, com a maior nitidez possível, para que os integrantes possam se marcar nos panoramas através do Facebook.

Proposta feita, orçamento aprovado! A partir daí, formamos nossa equipe de trabalho, escolhemos o ponto ideal para a foto panorâmica, onde o trio elétrico e as cacheadas estariam paradas, esquentando os tambores, e eu teria tempo para fazer uma gigafoto.

No dia do evento, por causa do tremendo calor, o Bloco das Cacheadas começou a andar antes do previsto. O equipamento estava montado fazendo as fotos mas eu tive que interromper e correr para o próximo ponto de foto, 200m adiante, em frente a uma igreja, onde o bloco iria também dar uma paradinha. Bastou eu me posicionar e começar a clicar, agora com a câmera na mão, para escutar o microfone avisar “em respeito à missa, iremos passar rapidamente pela igreja!” . Pronto, lá se foi minha paradinha. Mesmo assim, consegui um bom número de fotos.

No antigo trepa-trepa da Praça da varnhagem, vendo o povo chegar
No antigo trepa-trepa da praça, vendo o povo chegar e se posicionar do outro lado. Ali não seria um bom lugar para fotografar.

Acompanhei o bloco até a Praça da Varnhagem, que os cariocas chamam Praça Vanhargem, e fiz alguns panoramas, incluindo alguns de 360 graus no meio do bloco e próximo a bateria. Chegando na praça, tive a ideia e a permissão de subir no caminhão do trio elétrico. De lá consegui o melhor dos panoramas.

O resultado está aqui Encontrem as Cacheadas! – https://www.facebook.com/InstitutoBelezaNatural/app_462023393863673